ESTUDOS

                       O Propósito de Deus para Nós

Entender o poder e a autoridade de Deus nos faz focar nele, não em nós mesmos. Nossa reação deveria ser cair aos seus pés e dar a ele tudo o que samos e temos. Não podemos forçar  a Deus a fazer as coisas da nossa maneira. Às vezes, em sua sabedoria e planos soberanos, sua respostas para nós é "não" ou "espere". Nossa posição deve ser de confiar, crer e obedecer, não de exigir.
    Será que isso significa que não podemos dizer nada ao nosso Deus soberano? É claro que não! Ele não nos considera marionetes ou escravos. Ele nos fez agentes morais livres com mente, vontades e emoção. Ele não forçará seu amor e planos sobre nós contra nossa vontade. Dentro do contexto do seu plano mestre, Deus nos dá a liberdade de escolher.
    Esse é um conceito difícil de compreender, mais pense nisso dessa forma: em uma aeronave temos a plena liberdade de se levantar e caminhar no interior da aeronave . podemos ler revistas e falar com outras passageiros. temos a plena liberdade - dentro de limites.Não podemos no entanto, alterar o curso da aeronave. esse avião está indo a um lugar determinado!
     Nosso relacionamento com Deus ocorre de maneira semelhante. Não somos robôs mecanicamente programados para seguir seus decretos. Deus tem um curso para nós que foi traçado antes do principio dos tempos. Deus nos assegura em sua palavra: " Meu propósito permanecerá em pé, e farei tudo o que me agrada" (Is 46.10). Seu plano - mestre para a historia será realizado, que escolhemos trabalhar com ele ou trilhar nosso pro pio caminho obstinado.Embora nos permita escolher e sofrer as consequências das nossas escolhas, ele nunca desiste de controlar os planos para cumprir os seus propósitos . Deus vira as paginas das historia; nós não.
    A próxima vez que  você sentir-se subjugado pelos desafios e revezes da vida, lembre que seu Deus amoroso continua no controle. Ele está soberanamente dirigindo a sua vida. O livro de provérbios declara: "Muitos são os planos no coração do homem, mas o que prevalece é o propósito do Senhor" (19.21). Deus cuidadosamente supervisiona tudo que acontece. Nenhum acontecimento escapa do seu conhecimento. Nenhuma pessoa está fora da influencia. Nenhuma circunstancia existe fora do seu controle.
    Você pode ter se perguntado: Se Deus está no controle de tudo, por que ele permite defeitos de nascimento, fome e guerra? Por que permite o pecado, o mal e o sofrimento? A própia  natureza de Deus se opõe a essas coisas. Não era o plano de Deus para Adão e eva peca, e trazer enfermidade e doença e morte sobre a humanidade. Deus criou um mundo perfeito, mas o homem escolheu pecar, e o castigo para o pecado era a morte - física e espiritual. Essa maldição da morte afetou toda criação, não apenas os seres humanos. Todas as coisas ruins que ocorrem são devidas ao fato de vivermos em um mundo que está debaixo de julgamento, um mundo caído. Parte do castigo de Adão e Eva era a dor e o sofrimento no parto e comer o pão o suor do seu rosto.
   Deus não inicia, causa ou autoriza o pecado. Ele também não tenta ninguém a pecar. No entanto ele tolera o mal por um período para realizar os seus planos justos permitindo que as pessoas reajam pela sua livre vontade ao seu amor. O pastor Charles Stanley explica que Deus permite que  dificuldades, acidentes, adversidade e problemas semelhantes ocorram em nossas vidas com vidas co um propósito . Alguns desses propósitos são:


  • Para obter a nossa atenção
  • Para nos atrair a ele
  • Para ajudar-nos a conhece-lo
  • Para vê-lo como ele é
  • Para provar a sua bondade
  • Para ter um relacionamento íntimo com ele
  • Para evitar um distanciamento ou fuga de Deus