Cuidado com os deuses substitutos

Nosso santo Deus tem "ciúmes" quanto a nossa afeição e devoção. Ele advertiu os israelitas: "Não terás outros deuses além de mim. Não farás para ti nenhum ìdolo [...]. Não te prostrarás diante deles nem lhes prestarás culto, porque eu, o Senhor, o teu Deus, sou Deus zeloso" (Êx 20.3-5). Ele é o único que tem o direito de ocupar o trono de nosso coração. Ele deve ser exaltado e colocado no lugar mais elevado da nossa vida. Tudo o mais deve ter uma importância inferior.
   Mesmo assim, de tempos em tempos, somos culpados de idolatria. Os falsos deuses e os ídolos da nossa sociedade podem não ser tão óbvios como os deuses do antigo Israel ou de outras culturas, mas a presença deles é igualmente real.
Eles clamam pela nossa atenção e buscam conquistar a nossa lealdade.
   Você continua puro e fiel ao seu santo Deus? Visto que Deus é santo, você pode devotar-se a ele em pureza, adoração e serviço.

A DOUTRINA DA ORAÇÃO


   Uma definição da oração

 Orar, é estender toda nossa incapacidade e a de outros, em nome do Senhor Jesus Cristo, perante os olhos carinhosos de um pai que tudo sabe, tudo entende, tudo acolhe e tudo responde. A oração é a  respiração e o suspiro do espírito humano por Deus.Consiste mais em valer-se da disposição de Deus,do que vencer alguma relutância da parte de Dele.

"Ainda vos digo mais: Se dois de vós na terra concordarem acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu pai, que está nos céus.
  Pois onde se acham dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meu deles. Mt 18.19,20
     Quem é generoso progride na vida; quem ajuda será ajudado. Provérbios  11.25
 
Pagina no Facebook